Poetas Velhos [Paulo Leminski]

Bom dia, poetas velhos.
Me deixem na boca
o gosto dos versos
mais fortes que não farei.

Dia vai vir que os saiba
tão bem que vos cite
como quem tê-los
um tanto feito também,
acredite.

27 comentários:

  1. Ele era demais!! Linda prosa... e real!
    Helô

    ResponderExcluir
  2. Muito bonito. Como tudo do Leminski.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom ter esse arquivo dele aqui. Leminski é inspiração.

    ResponderExcluir
  4. A cada leitura, nova ou velha, Leminski me faz tão bem!!!

    ResponderExcluir
  5. Belo blog. Estou lincando no meu : ) Abs

    ResponderExcluir
  6. Oi leminki,eu te adorooooooo,Voce e sou sua fã de carterinha.

    ResponderExcluir
  7. hoje eu vi paulo leminski
    vestindo seu casaco vermelho
    sentado diante do espelho
    e produzindo os mesmos textos
    iguais.
    geniais!

    homem do bem e do mal
    poeta semântico
    apaixonado
    concretista aficcionado!

    cachorro louco
    que faz hover em piquenique
    quem me dera ter um pouquinho do seu pique!

    ResponderExcluir
  8. 21 anos sem leminski!
    cantem um poema para lembrá-lo

    ResponderExcluir
  9. Leminski é simplesmente maravilhoso!!!

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde!

    Meu nome é Thiago Castro e trabalho na Editora Ediouro. Gostaria de obter algum contato com o titular dos direitos autorais de Paulo Leminski. Se puder ajudar, pesso que entre em contato comigo: thiagocastro@ediouro.com.br / (21)3882-8450

    ResponderExcluir
  11. Essa interação entre o leitor e o autor, como se o próprio leitor houvesse escrito o texto, ou tomado parte na escrita, reflete o quão ligados estão, poeta e leitor! Quão ligados se tornam os que prestigiam, sendo prestigiados...
    Isso é Leminski!

    ResponderExcluir
  12. Grande polêmica entre o velho e o livre. Gostei.

    ResponderExcluir
  13. Acho que vc é um dos autores apaixonado que jamaios tentou demonstrar suas paixões

    ResponderExcluir
  14. Como gosto dos textos de Leminski. Coloquei no meu bridge.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  15. Paulo Leminsk compunha poemas inesqueciveis!!!

    ResponderExcluir
  16. Paulo Leminski, uma das assumidades poéticas, que o Brasil já teve, que foi ainda além das maiores: hoje ele repousa nos braços dos deuses!!!

    ResponderExcluir
  17. No blog do Arcanjo Suburbano os poemas A Igualdade, Ataque do Negro Boreal, Aurora de Maldoror, Liberdade, & outros pretendem combater a mesmice da poesia periferica produzida atualmente. Visitem, leiam & ofendam moderadamente...

    ResponderExcluir
  18. Amo Leminski! Amei teu blog!
    Vem conhecer o meu:
    leiakarine.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Maravilhoso! Leminski sempre muito único!

    Conheça o meu em:
    http://raquelcoronel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Belas poesias de Leminski heim, parabéns!
    Tenho um projeto musical com muita poesia e talvez vocês se interessem.
    Se quiser escutar, é só ir pro meu site. http://bitly.com/zuzazapataoficial
    Fica a dica! Valeu!
    Abraços, Zuza.

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget
Este é apenas um acervo de poemas de Leminski encontradas na internet, com objetivo de divulgar a obra poética deste maravilhoso poeta. Compre os livros!